OBIEE – Solução para Gráfico de Barras Empilhadas

Share Button

Introdução:

O profissional de Business Intelligence que consegue, como num quebra-cabeças, desenvolver seu trabalho desde os requisitos de negócio à lógica do modelo de dados, considerando os recursos disponíveis da ferramenta que será utilizada no projeto, possui um grande diferencial de mercado, uma vez que criará cenários passíveis de serem implementados e minimizará o risco da entrega não atender a área cliente. Um diferencial para os profissionais de Business Intelligence como um todo, está além de dominar os recursos da ferramenta. Abrange desenvolver de forma onde a lógica aplicada faça o encaixe perfeito entre o modelo de dados, funcionalidade da ferramenta e regra de negócio a ser atendida, como um quebra-cabeça.

Neste artigo venho compartilhar um case que encontrei em projeto que utilizamos como ferramenta o Oracle Business Intelligence Enterprise Edition onde a situação é a seguinte:
-O requisito da análise pede que duas dimensões sejam mescladas para compor o eixo de um gráfico de barras empilhadas. Abaixo apresento a solução que encontrei para atender ao requisito e espero que se tiverem outra forma de implementá-la dividam conosco por favor, pois o intuito do site é justamente compartilhar e multiplicar experiências

Compreendendo o Modelo de Dados:

Simulei a estrutura da Fato e Dimensões para representar o mesmo cenário do desafio encontrado, chegando ao seguinte star
schema:

Neste caso teremos uma particularidade com as medidas “Valor Ativo” e “Valor Passivo”, ambas não compartilham da mesma dimensão de “Categoria”, mas sim respectivamente uma dimensão para cada medida. Onde na linha que tenho o “Valor Ativo” o” Valor Negativo” não se aplica. A seguir tenho a demonstração física do modelo de dados no banco:

 

 

 

Regra de Negócio a ser atendida:

O objetivo da análise é comparar os valores contábeis de ativo e passivo ao longo dos últimos anos em um gráfico de barras empilhadas por categorias corrente e capital, conforme protótipo abaixo:


 

Comportamento da ferramenta mediante ao modelo de dados:

Primeiramente, fiz no OBIEE uma simples tabela apenas para validar os dados com o banco, e verificar se a modelagem do RPD foi feita adequadamente:

 


 

Agora disponibilizaremos os dados através da view: gráfico de barras empilhadas.



Observe que o comportamento nativo da ferramenta cria quatro pilhas diferentes de dados, separando Receita Capital e Receita Corrente da Despesa Capital e Despesa Corrente, onde o objetivo era somente separar o que era Capital e o que era Corrente, pois valores de receita e despesa já estão separados no modelo pelas medidas de Ativo e Passivo.
Por tanto, para que alcancemos o objetivo da regra de negócio especificada, será necessário programar uma lógica em cima dos dados para que eles se encaixem no comportamento do OBIEE, como aqueles quebra-cabeças que mencionei no início.

Solução adotada para atender às especificações da análise:

  1. Primeiro desafio encontrado é unificar os dados entre as dimensões, o objetivo não é separa o que é despesa ou receita, isso já tem nas colunas da medida, precisamos da dimensão apenas para informar se a categoria do ativo e passivo é corrente ou capital:


    Para resolver isso, no answers do OBIEE utilizei uma coluna com a seguinte função:

    Observe agora o resultado, unificamos as duas dimensões em apenas uma coluna com as duas categorias esperadas ‘Corrente’ e ‘Capital’:

  1.     Tendo feito isto, basta cruzar os eixos X e Y especificados na regra de negócio, desta forma:

Observe a particularidade, no nosso Eixo horizontal (X) que temos dois tipos de variações diferentes, Ano e Categoria, que cruzam com nosso Eixo horizontal (Y) onde tempos as duas medidas para Ativo e Passivo. É importante entender a lógica e funcionalidade de cada campo quando se está desenvolvendo, assim alcançar resultados cada vez mais assertivos. Afinal, a BI é uma inteligência de negócios que para se tornar de fato inteligente deve evoluir tanto no sentido técnico quanto ao do negócio.

 

Resultado final:

 

Temos agora o resultado esperado:

Analisar e comparar os valores contábeis de ativo e passivo ao longo dos últimos anos em um gráfico de barras empilhadas por categorias corrente e capital.

 

Carina Mendes.